WhatsApp: (51) 99194-0018 /  E-mail: secretaria@abmfr.com.br

Notícias

Cientistas do Feinstein Institute for Medical Research, nos Estados Unidos, descobriram um novo enfoque personalizado para diagnosticar a lombalgia. De acordo com um estudo clínico, as concentrações séricas da citocina pró-inflamatória e interleucina-6 (IL-6) variam em indivíduos com discopatia intervertebral lombar e a caracterização bioquímica das citocinas circulantes pode ajudar a refinar os diagnósticos personalizados das discopatias.

As recomendações para o tratamento da fibromialgia foram revisadas pela Liga Europeia contra o Reumatismo (EULAR). Com base em 107 avaliações científicas publicadas até maio de 2015, as novas orientações favorecem abordagens não farmacológicas como um tratamento inicial, mas também terapias mais personalizadas em casos de não resposta – podendo incluir medicamentos.

As inscrições para grupos de 5 pessoas podem obter descontos especiais negociados pela ABMFR, veja mais informações no www.iccnu2017.org

Prezados associados,
A Associação Brasileira de Medicina Física e Reabilitação (ABMFR) tem uma longa parceria com a International Society of Physical and Rehabilitation Medicine (ISPRM). Mediante uma taxa anual paga pela ABMFR, uma grupo de 100 associados pode utilizar os benefícios da ISPRM, como o acesso ao conteúdo on line do Journal of Rehabilitation Medicine e os conteúdos de atualização profissional da área reservada aos associados do website www.isprm.org.

O Brasil ainda é referência internacional em saúde pública para países que buscam sistemas com equidade e integralidade, conforme afirmou inclusive o Banco Mundial. Isso a despeito de todas as dificuldades políticas, econômicas e sociais. A constatação alvissareira, porém, não condiz com a proposta do Ministério da Saúde de criar planos privados teoricamente mais acessíveis. O alvo seria o cidadão com rendimentos insuficientes para adquirir um plano nos moldes dos atuais com cobertura integral.